Diferenças entre portas e portões automatizados

Quando pensamos em portas e portões automatizados rapidamente percebemos que as semelhanças são evidentes. No entanto, existem diversas nuances que merecem a sua atenção e que vamos abordar de seguida.

Em termos de portões automatizados, é possível fazer a divisão em duas grandes classes: portões de utilização doméstica e portões de utilização industrial. Ambas, as classes, podem ser controladas através de vários tipos de dispositivos, tais como: comandos à distância, comando por chave, cartões de proximidade e existem também soluções que possibilitam o controlo através de aplicações móveis. Estes sistemas devem, obrigatoriamente, ser acompanhados por sistemas de segurança (uma vez que estão disponíveis sistemas de automatização que suportam até 3500kg) como células fotoelétricas/fotovoltaicas ou barras de segurança que impeçam a intervenção humana em zonas de potencial perigo.


Quando falamos em portas automatizadas, falamos de dois tipos de portas: automatizadas seccionais e rápidas. As portas automatizadas seccionadas são a solução ideal para espaços em que é necessário manter uma temperatura constante no interior nas instalações. 
 
No caso das portas rápidas, estes equipamentos devem ser utilizados em superfícies comerciais, como supermercados e hipermercados, uma vez que é necessária a passagem de mercadorias e pessoas. Tal como no caso dos portões automatizados, estes mecanismos podem ser controlados através de dispositivos externos e devem ser sempre instalados com os devidos sistemas de segurança.
 
Goritmo Porta Rápida
  
 >> Para mais informações sobre portas e portões automatizados clique aqui e conheça a oferta completa.